Clínica Cirúrgica

Dr. Renato Luna

Helping thousands of people to get high-class medical services. Your health is your most important asset.

PRÉ-AGENDAR CONSULTA

Clínica Cirúrgica

Dr. Renato Luna

PRÉ-AGENDAR CONSULTA

Sobre a clínica

Dr. Renato Luna

Formação

Formado em medicina e especializado em cirurgia geral pela Universidade Federal do Rio de Janeiro-UFRJ. Especialização e Mestrado em videocirurgia pela Universidade Federal do Estafo do Rio de Janeiro. Especialista em cirurgia laparoscópica e bariatrica pela Oregon Health and Science University – EUA.
Formado em medicina e especializado em cirurgia geral pela Universidade Federal do Rio de Janeiro-UFRJ. Especialização e Mestrado em videocirurgia pela Universidade Federal do Estafo do Rio de Janeiro. Especialista em cirurgia laparoscópica e bariatrica pela Oregon Health and Science University – EUA.

A Clínica

A Clínica Cirúrgica Dr. Renato Luna é a consolidação de uma carreira voltada para a cirurgia laparoscópica e bariátrica, construida em respeitados centros de cirurgia do país e do exterior. Aqui aplicamos de forma racional o método laparoscópico para as afecções da parede abdominal, trato digestivo e tratamento da obesidade, oferecendo o que há de mais atual no campo cirúrgico.

Planos de Saúde

Também atendemos sem convênio, caso não tenha convênio, entre em contato para avaliação de reenbolso.

logomarca-amil

Faça o
pré-agendamento de sua consulta

Online

PRÉ-AGENDAR CONSULTA

Serviços

O que a clínica oferece

We specialize in a wide array of medical fields and have some of the best facilities.
EMERGENCY CALL:
1-800-373-5678
bariatrica

Cirurgia Bariátrica

Cirurgia Bariátrica ou da Obesidade, popularmente conhecida como redução do estômago é o método mais eficaz para emagrecimento a longo prazo. Devido a sua complexidade, deve ser realizada apenas em pacientes preparados e acompanhados por um grupo multidisciplinar de profissionais, pelo resto da vida.

cirurgia-do-trato-digestivo

Cirurgia Oncológica Digestiva

A cirurgia oncológica digestiva é um campo da cirurgia dedicado ao tratamento de tumores do trato digestivo. Para o seu adequado tratamento é necessário o estadiamento clínico do tumor, e dependendo deste estadiamento, o tratamento pode ser apenas com medicação e radiação (quimio e radioterapia), apenas cirúrgico ou uma combinação dessas modalidades. Cirurgiões do trato digestivo são treinados para esse tipo de cirurgia, e a cada dia a cirurgia laparoscópica tem maior aplicação nesses casos.
cirurgia-palaroscopia

Cirurgia Laparoscópica

Laparoscopia é um procedimento cirúrgico minimamente invasivo pois evita grandes incisões abdominais. É um método consagrado para diversas cirurgias sendo as mais conhecidas a retirada da vesícula biliar, do apêndice, hérnia de hiato, cirurgia bariátrica e cólon, entre outras. Suas principais vantagens são menor dor pós operatória, recuperação mais rápida e menor tempo de hospitalização.

cirurgia-da-vesicula-biliar

Cirurgia da Vesícula Biliar

A pedra na vesícula é muito presente na população, atingindo entre 10% e 20% dos adultos. A cirurgia deve ser indicada em todos os pacientes sintomáticos e alguns casos específicos onde ainda não existem sintomas. A cirurgia se realiza por laparoscopia, com 4 pequenas incisões entre 5 e 10mm, e consiste na retirada da vesícula.

Serviços

O que a clínica oferece

bariatrica

Cirurgia Bariátrica

Cirurgia Bariátrica ou da Obesidade, popularmente conhecida como redução do estômago é o método mais eficaz para emagrecimento a longo prazo. Devido a sua complexidade, deve ser realizada apenas em pacientes preparados e acompanhados por um grupo multidisciplinar de profissionais, pelo resto da vida.

cirurgia-palaroscopia

Cirurgia Laparoscópica

Laparoscopia é um procedimento cirúrgico minimamente invasivo pois evita grandes incisões abdominais. É um método consagrado para diversas cirurgias sendo as mais conhecidas a retirada da vesícula biliar, do apêndice, hérnia de hiato, cirurgia bariátrica e cólon, entre outras. Suas principais vantagens são menor dor pós operatória, recuperação mais rápida e menor tempo de hospitalização.

cirurgia-da-vesicula-biliar

Cirurgia da Vesícula Biliar

A pedra na vesícula é muito presente na população, atingindo entre 10% e 20% dos adultos. A cirurgia deve ser indicada em todos os pacientes sintomáticos e alguns casos específicos onde ainda não existem sintomas. A cirurgia se realiza por laparoscopia, com 4 pequenas incisões entre 5 e 10mm, e consiste na retirada da vesícula.
cirurgia-do-trato-digestivo

Cirurgia Oncológica Digestiva

A cirurgia oncológica digestiva é um campo da cirurgia dedicado ao tratamento de tumores do trato digestivo. Para o seu adequado tratamento é necessário o estadiamento clínico do tumor, e dependendo deste estadiamento, o tratamento pode ser apenas com medicação e radiação (quimio e radioterapia), apenas cirúrgico ou uma combinação dessas modalidades. Cirurgiões do trato digestivo são treinados para esse tipo de cirurgia, e a cada dia a cirurgia laparoscópica tem maior aplicação nesses casos.

Depoimentos
de Clientes

Perguntas Frequentes

PERGUNTAS

Perguntas Frequentes

É uma técnica cirúrgica onde a cirurgia é realizada através de pequenos orifícios, entre 5 e 12 mm, com o auxílio de uma câmera. Isso evita grandes incisões no abdômen e facilita a recuperação do paciente, com menos dor e mais rápido retorno a suas atividades normais.
A maioria delas. Essa técnica é muito bem estabelecida para vesicular biliar, apêndice, refluxo, cirurgia da obesidade, esôfago, glândula supra renal, intestine grosso, algumas doenças do pâncreas e baço, entre outras.
Sim, a laparoscopia é aplicada no tratamento de diversos tipos de câncer do trato digestivo.
Pacientes com IMC acima de 35kg/m2 e portadores de comorbidades relacionadas ao peso, ou pessoas com IMC maior ou igual a 40kg/m2, com obesidade instalada há pelo menos 5 anos e com 2 anos de tentativa de tratamento clínico supervisionado sem sucesso, são candidatos.
O cálculo é realizado pela divisão do peso (em quilos) pela altura (em metros) ao quadrado Por exemplo: Altura de 1,85 metros e peso de 87 quilos. Multiplicamos a altura por ela mesmo (1,85 x 1,85 = 3,42). Dividimos o peso pelo resultado da conta anterior: 87 / 3,42 = 25,43. O IMC neste caso é de 25,43 kg/m2.
A incisão na hérnia convencional é realizada na região inguinal acometida pela hérnia, enquanto na laparoscopia são realizadas 3 pequenas incisões mais altas no abdômen. A anestesia na hérnia convencional é a raquimedular (bloqueio do abdômen para baixo), enquanto na videolaparoscópica é realizada anestesia geral.
As principais vantagens são a menor dor pós operatória, principalmente nos primeiros 15 dias após a cirurgia, menor inchaço, e menos complicações de ferida operatória. Há discussões sobre menor incidência de dor crônica, mas este benefício ainda não é claro na literatura médica.
Não. A cirurgia consiste na retirada de toda a vesícula, com os cálculos em seu interior.
A maioria dos pacientes se adapta muito bem. É recomendável uma dieta pobre em gordura no pós operatório imediato, uma vez que pode ocorrer diarreia em até 30% da população operada nos primeiros 3 meses de pós operatório. Após um ano esta ocorrência é baixa, sendo relatada em apenas 3% dos casos., estando em geral relacionada ao consumo de comidas gordurosas em exagero.
A cirurgia anti refluxo está indicada para pacientes com resposta incompleta a medicação, presença de complicações da doença ou desejo do paciente em não tomar a medicação por toda a vida.
É uma técnica cirúrgica onde a cirurgia é realizada através de pequenos orifícios, entre 5 e 12 mm, com o auxílio de uma câmera. Isso evita grandes incisões no abdômen e facilita a recuperação do paciente, com menos dor e mais rápido retorno a suas atividades normais
A maioria delas. Essa técnica é muito bem estabelecida para vesicular biliar, apêndice, refluxo, cirurgia da obesidade, esôfago, glândula supra renal, intestine grosso, algumas doenças do pâncreas e baço, entre outras.
Sim, a laparoscopia é aplicada no tratamento de diversos tipos de câncer do trato digestivo.
Pacientes com IMC acima de 35kg/m2 e portadores de comorbidades relacionadas ao peso, ou pessoas com IMC maior ou igual a 40kg/m2, com obesidade instalada há pelo menos 5 anos e com 2 anos de tentativa de tratamento clínico supervisionado sem sucesso, são candidatos.
O cálculo é realizado pela divisão do peso (em quilos) pela altura (em metros) ao quadrado Por exemplo: Altura de 1,85 metros e peso de 87 quilos. Multiplicamos a altura por ela mesmo (1,85 x 1,85 = 3,42). Dividimos o peso pelo resultado da conta anterior: 87 / 3,42 = 25,43. O IMC neste caso é de 25,43 kg/m2.
A incisão na hérnia convencional é realizada na região inguinal acometida pela hérnia, enquanto na laparoscopia são realizadas 3 pequenas incisões mais altas no abdômen. A anestesia na hérnia convencional é a raquimedular (bloqueio do abdômen para baixo), enquanto na videolaparoscópica é realizada anestesia geral.
As principais vantagens são a menor dor pós operatória, principalmente nos primeiros 15 dias após a cirurgia, menor inchaço, e menos complicações de ferida operatória. Há discussões sobre menor incidência de dor crônica, mas este benefício ainda não é claro na literatura médica.
Não. A cirurgia consiste na retirada de toda a vesícula, com os cálculos em seu interior.
A maioria dos pacientes se adapta muito bem. É recomendável uma dieta pobre em gordura no pós operatório imediato, uma vez que pode ocorrer diarreia em até 30% da população operada nos primeiros 3 meses de pós operatório. Após um ano esta ocorrência é baixa, sendo relatada em apenas 3% dos casos., estando em geral relacionada ao consumo de comidas gordurosas em exagero.
A cirurgia anti refluxo está indicada para pacientes com resposta incompleta a medicação, presença de complicações da doença ou desejo do paciente em não tomar a medicação por toda a vida.

Endereço:

Av. Ataulfo de Paiva, 135 / 1101 – Leblon
Rio de Janeiro – RJ – Brasil
TELEFONES: